Nas duas últimas décadas, muitos investigadores têm estudado um tema complexo: o conforto do calçado. Este projeto aborda este tema com base no ajuste dimensional, conforto plantar mecânico e sustentabilidade. Os objetivos específicos são:

  • Incorporação de conforto e sustentabilidade no ciclo de vida do produto. Os manuais académicos já oferecem uma boa informação sobre o ciclo de vida de um produto. A documentação disponível será estudada e revista e todos esses conceitos serão incluídos durante o processo de design do produto. Além disso, será desenvolvido material didático sobre o novo paradigma do ciclo de vida e tecnologias associadas ao produto.
  • Análise dos parâmetros que afetam a qualidade do calçado em relação à sustentabilidade, conforto e desempenho. Tanto o ajuste dimensional, como os parâmetros de conforto plantar serão analisados. As propriedades dos materiais, processos de projeto, tecnologias e técnicas de produção em relação à funcionalidade, desempenho e sustentabilidade do produto final também serão avaliados. Este estudo fornecerá o conhecimento científico essencial para estabelecer novas qualificações para designers e gestores de produto do setor do calçado.
  • Incentivar a colaboração entre instituições de ensino superior e centros de investigação com empresas para desenvolvimento conjunto de novos métodos pedagógicos centrados nos alunos através de cenários de simulação baseados em problemas reais, procurando assim soluções para desafios e dificuldades que afetam o setor do calçado.
  • Utilização das mais recentes tecnologias e ferramentas computacionais para determinar os parâmetros de conforto do calçado, usando biomodelos humanos e cenários de simulação. Estes resultados  bem como tecnologias de digitalização 3D e prototipagem serão utilizados para produzir e oferecer material didático prático para designers atuais e futuros do calçado e gestores de produto.
  • Aperfeiçoar e melhorar o programa de estudo para profissões de Designer e Gestor de Produtos. O futuro designer deverá ser capaz de utilizar de forma criativa as ferramentas e tecnologias informáticas para o design de calçados sustentáveis de alta qualidade, com conforto e estética melhoradas. De forma semelhante, um gestor de produto deve estar familiarizado com os principais aspetos que influenciam a qualidade do calçado, incluindo o papel desempenhado pelos materiais e tecnologias de produção no desempenho do produto. Estas novas qualificações serão propostas às instituições nacionais de acreditação.
  • Disponibilizar o “pacote educacional” devidamente credenciado às Universidades participantes como material suplementar para o enriquecimento dos seus atuais cursos de licenciatura e pós-graduação. Estes módulos serão acreditados de acordo com o Sistema Europeu de Transferência de Créditos (ECTS). Os módulos fornecerão um mínimo de 2 créditos como suplemento à obtenção do grau académico.
  • Organização de 5 seminários/workshops conjuntos nos cinco países participantes com 100 estudantes/participantes da indústria e/ou universidades. A participação dos alunos nestes seminários é equivalente a pelo menos 2 ECTS. Durante estes seminários/workshops, os módulos de formação serão implementados e complementados por workshops práticos nos quais Designers de calçados desenvolverão novos conceitos de produto com base nas novas qualificações. Estes conceitos serão revistos por pessoas-chave do setor. O nono e último seminário terá lugar na Grécia, onde serão também apresentados os resultados dos seminários anteriores.
  • Organização de uma Ação de Mobilidade com 12 estudantes e 8 orientadores dos parceiros.